O recém-nascido já está em casa, e agora? por Zioneth Garcia

Dicas

Para quem é mãe de primeira viagem essa fase pode ser ainda mais difícil. A felicidade pela chegada do recém-nascido é imensa, mas surgem muitas dúvidas na hora de traçar os cuidados que essa nova fase precisa. Para a bióloga Zioneth Garcia, doutora em Ciências Biológicas pela USP e idealizadora do ‘Mães com Ciência’ é muito comum cada visitante – em especial, a família – dar um conselho diferente e a ‘nova mamãe’ acaba ficando confusa sobre o que fazer.

“Por isso, elaborei um guia sobre os cuidados necessários com o bebê, mostrando que não é um bicho de sete cabeças e dá para passar por ela sem crise”, diz a especialista. Segundo a idealizadora, é importante mostrar que não existem fórmulas prontas para a criação dos filhos e cada família deve tomar suas decisões de acordo com sua realidade.

O que fazer quando o recém-nascido vem para casa?

Por exemplo, ao sair da maternidade, Zioneth destaca que, o recém-nascido deve ser pesado e medido, e tais medidas são a referência para acompanhar seu crescimento dali em diante. “É normal o bebê perder até 10% do seu peso de nascimento nas primeiras semanas de vida, pois é o período que se leva para ajustar a amamentação, e o organismo do pequeno está preparado para isso”, enfatiza.



Em casa, ela sugere que é importante evitar que o recém-nascido fique de colo em colo, pois para ele qualquer um que seja diferente do colo da mãe, é desconfortável. “Eles se sentem inseguros e vale respeitar essa fase”. Outra dica é evitar, ao máximo, as visitas. “Não fique com vergonha em dispensá-las para poder ir deitar com seu bebê, aliás, pode até tentar avisar a família com antecedência que não irá receber visitas nas primeiras semanas”.

O que fazer quando o recém-nascido vem para casa? Zioneth Garcia Zioneth Garcia é doutora em Ciências Biológicas pela USP.
Contato
Site:https://maescomciencia.com/
Facebook: https://www.facebook.com/maescomciencia/
Instagram: https://www.instagram.com/maescomciencia.insta/