Velório de Ricardo Boechat será aberto ao público; saiba mais

Ricardo Boechat (Foto: Divulgação)
Ricardo Boechat (Foto: Divulgação)

O corpo do jornalista Ricardo Boechat será velado a partir das 22h desta segunda-feira, 11 de fevereiro, no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo.

O público poderá visitar o local e prestar a sua última homenagem para o jornalista, que morreu após ser vítima de um acidente de helicóptero.

O velório acontecerá até as 14h de terça-feira, 12 de fevereiro, e em seguida, o corpo será cremado em uma cerimônia íntima.

A pedido da família, o cemitério não foi informado.

TESTEMUNHA REVELA DETALHES DA MORTE DE RICARDO BOECHAT

Ricardo Boechat (Foto: Divulgação)
Ricardo Boechat (Foto: Divulgação)

A morte do jornalista Ricardo Boechat nesta segunda-feira, 11 de fevereiro, pegou muita gente de surpresa. O âncora do Jornal da Band morreu após a queda do helicóptero no qual estava.

Leiliane Rafael da Silva em conversa com a Band, revelou que estava com o marido de moto na hora exata da queda do helicóptero e revelou detalhes sobre a morte do jornalista.

“Assim que o helicóptero desceu, eu vi uma pessoa caindo na pista. Na hora, vinha uma carreta e bateu na lateral do helicóptero, tanto que a porta passou por dentro do vidro do motorista do caminhão”, relatou em entrevista exibida durante o programa Brasil Urgente.

A testemunha então revelou que após atingir o caminhão, o helicóptero acertou o muro de proteção da pista e acabou ficando em cima da pessoa que tinha caído do helicóptero. Depois disso, veio a primeira explosão. “Eu fui a primeira pessoa a chegar. Eu tirei o moço do caminhão e corri para trás para ver se tinha alguém vivo. Tinha uma pessoa na pista e, quando cheguei perto, ela estava chamando com a mão.”

Questionada se essa pessoa se tratava de Ricardo Boechat, a testemunha confirmou: “Ele estava debaixo de uns pedaços do helicóptero. Eu ia pegar na mão dele, e veio uma pessoa e disse para não pegar, porque ele poderia me jogar para dentro do fogo. Aí [o helicóptero] pegou fogo de novo e explodiu”.