Supersérie da Globo sofre “desmanche” no elenco e perde vários atores de peso

Marjorie Estiano, Alice Wegmann, Júlio Andrade e Luís Miranda deixam o elenco de O Selvagem da Ópera, na Globo. (Foto: Montagem/Divulgação)
Marjorie Estiano, Alice Wegmann, Júlio Andrade e Luís Miranda deixam o elenco de O Selvagem da Ópera, na Globo. (Foto: Montagem/Divulgação)

A supersérie O Selvagem da Ópera vem enfrentando problemas para definir o seu elenco na Globo

Próxima supersérie da Globo, O Selvagem da Ópera ainda nem estreou, mas já pode ser considerada uma produção problemática na emissora carioca, a começar pelo seu próprio lançamento.

A trama, que marcará a estreia da novelista Maria Adelaide Amaral na faixa das 23h, inicialmente, tinha previsão de lançamento para 2021, o que permitiria a autora realizar um longo e detalhado processo de desenvolvimento da história. Porém, houve várias modificações, projetos que acabaram sendo cancelados pela Globo, e O Selvagem da Ópera teve sua estreia antecipada ainda para este ano.

A emissora, no entanto, voltou atrás mais uma vez, e em virtude da complexidade da produção, que será de época e exigirá um trabalho mais arrojado, a supersérie ficou para 2020, deixando a faixa das 23h “vazia” por um ano, desde o fim de Onde Nascem os Fortes.

Agora, O Selvagem da Ópera enfrenta sérios problemas em relação ao seu elenco. A Globo costuma se antecipar e escalar atores para suas produções com bastante antecedência, e foi o que o que ocorreu com a própria supersérie. Porém, vários desses nomes, incluindo as principais estrelas, estão deixando o elenco, fazendo com que a trama sofra uma espécie de “desmanche”.

Conforme já informamos, Marjorie Estiano e Alice Wegmann já deixaram o elenco. Marjorie foi remanejada para outra produção (a nova série Fim, baseada em um livro homônimo de Fernanda Torres), enquanto que Alice foi retirada da trama pela Globo com a justificativa de oferecer um descanso de imagem à atriz, que vinha emendando trabalhos de destaque na TV. O “detalhe” é que as duas fariam parte do núcleo principal da história, formando um triângulo amoroso com o protagonista Renan Monteiro.

E a “debandada” não para por aí. Agora, de acordo com a colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, mais dois nomes de peso estão deixando o elenco: Júlio Andrade e Luís Miranda. Júlio chegaria com moral após se destacar em Sob Pressão, além de receber duas indicações ao Emmy Internacional (pela série 1 Contra Todos, da Fox,) nos últimos anos, enquanto que Luís também faria parte do núcleo principal da história, interpretando Maneco Músico, pai do protagonista. A equipe então precisará realizar novos testes, a partir desta semana, para definir quem assumirá alguns dos papéis principais da trama.

Vale lembrar que O Selvagem da Ópera vai narrar a trajetória de Carlos Gomes (1836-1896), considerado um dos maiores compositores de ópera da história do Brasil, mas que enfrentou fases bastante conturbadas em sua vida.