Samantha Schmütz salta de táxi e mostra vídeo após motorista assumir agressão homofóbica: “muito apavorada”

a atriz, Samantha Schmütz (Foto: Reprodução/Instagram)
a atriz, Samantha Schmütz (Foto: Reprodução/Instagram)

A atriz, Samantha Schmütz, que é famosa por participar de Sitcons do canal Multishow do grupo Globo, ficou apavorada após um taxista assumir uma agressão homofóbica durante uma viagem no Rio.

 

Samantha Schmütz fez questão de relatar a história através de sua conta no Instagram, e até mostrou um trecho da conversa em que o motorista assume a agressão. A atriz ficou inconformada com a ação do condutor e pediu para sair do taxi imediatamente.

Após descer do veículo, Samantha Schmütz  compartilhou o fato nas redes sociais. Durante a conversa a atriz quis saber o que o motorista fez ao ver um casal gay se beijando em público: “Tomar uma atitude enérgica, entendeu? Aí eu tomei e minha mulher ficou apavorada”, disse o taxista. “E o que você fez?”, pergunta Samantha, “Eu dei uma coça nos dois”, responde o homem. “Você bateu nos dois caras porque eles estavam se beijando? O que é isso, moço?!”, se revolta a atriz.

O taxista ainda repete a história “Dei uma coça. Não tinha lei, ainda, não tinha essa liberação total. Eles desrespeitaram todo mundo. Não tem nada a ver: um montão de casal hetero, ‘normal’, ninguém se beijando e por que os dois ficaram se agarrando ali? Não tinha por que fazer aquilo ali. Hoje as cabeças estão diferentes. Aí dei uma coça nos dois”, disse o condutor para a atriz.

Ao sair do táxi, Samantha Schmütz conta o desfecho da história totalmente chocada: “Mano, na boa, eu desci do táxi! Ele falou: ‘você está descendo por causa dessa minha história?’. Eu falei: ‘sim, estou descendo por causa dessa sua história! Por favor, pare o carro que não tenho como ficar aqui’”.

“Gente, estou muito apavorada com a falta de noção das pessoas com o espaço do outro! É em todas as áreas, que tristeza! Por isso que a gente tem que lutar pela educação, porque sem educação as pessoas não têm como respeitar o limite do outro. Até onde vai o seu limite! Pelo amor de Deus, o que está acontecendo?!”, continuou a atriz.

Ainda muito abalada com o relato de agressão, Samantha Schmütz  usou um filtro no aplicativo para se posicionar e explicar a importância de se levar esse tipo de relato a sério: “como vocês podem ver, envelheci uns 80 anos com esses episódios de ódio, não é mesmo? ‘Em um momento de cegueira, eu bati no cara!’. E se ele dá um tiro e mata?! E se ele não sabe atirar direito e você que está do lado, não tem nada a ver com isso, não está beijando ninguém, toma um tiro?! Eu desci do táxi, porque quem não se posiciona contra está a favor!”

 

Samantha Schmütz e o ator Paulo Gustavo (Foto: Reprodução)
Samantha Schmütz e o ator Paulo Gustavo (Foto: Reprodução)