Polícia acha cocaína em produtora de MC Gui e cantor pode ser preso a qualquer momento

MC Gui (Foto: Reprodução)

A produtora RW, responsável por representar a carreira do cantor MC Gui, está  sendo investigada por um suposto envolvimento em um esquema de fraude e venda de drogas. As informações são da Quem. Após um mandato de busca, os policias encontraram diversos pinos com cocaína, um automóvel de luxo, uma Mercedes Benz avaliada em R$ 800 mil.

Osvaldo Nico, da DECADE (Departamento de Capturas e Delegacias Especializadas), conversou com o Brasil Urgente, da Band, e comentou a situação:  “É um crime complexo que envolve agressão, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica. Está no início, começou na tarde de quarta”, explicou.

MC, os pais e a avó, que são donos da produtora RW, também são acusados de criar leilões falsos na internet. “É evidente a ligação dos familiares dele com a produtora e com este site de leilão. Um leilão falso, no qual a pessoa compra, deposita o dinheiro (que cai na conta de um funcionário da produtora) e depois o site sai fora do ar, lesando um monte de gente”, explicou o delegado.



 

 

MC Gui e sua mãe (Reprodução/OFuxico)

Em contato com a Quem, a mãe do funkeiro, Cláudia Castanheira, justificou:  “Hoje já conversamos com a polícia e com a excelente competência da Polícia Civil do Estado de São Paulo. Tudo será esclarecido. Não temos culpa de nada, mas infelizmente estamos fora do país e vamos postar uma nota de esclarecimento a todos”.

De acordo com o delegado Osvaldo Nico, o funkeiro, os pais dele (Cláudia Castanheira, conhecida como Cláudia Baronesa, e Rogério Alves) e a avó do cantor seguem sob investigação.