Padre Marcelo Rossi revela lesão após ser empurrado com agressividade e assume B.O

Padre Marcelo Rossi (Foto: Reprodução)
Padre Marcelo Rossi (Foto: Reprodução)

Padre Marcelo Rossi abriu o jogo sobre a atual situação após ter sido empurrado por uma fiel de uma altura muito grande em uma missa.

Três dias após chocar o Brasil ao ser empurrado por uma mulher, Padre Marcelo Rossi usou suas redes sociais para conversar com fiéis e relatar como está a sua saúde. O religioso foi jogado de uma altura considerável e, por isso, tem sofrido algumas dores que lhe incomodam atualmente.

 

O padre pediu para que todos fiquem tranquilos, já que não quebrou nada e não está gravemente ferido, mas que foi necessário fazer um B.O: bíblia e oração. Ele orientou que todos reflitam em sua frase, já que muitos pediram para que justiça fosse feita contra a moça.

Padre Marcelo Rossi ainda avaliou que a melhor delegacia é a capela, e fez as pessoas lembrarem que nem tudo deve ser levado a ferro e fogo. Teve um rapaz, porém, que ainda acredita que a mulher que o empurrou deve ser punida: “O problema dessa agressora ficar impune é que ela pode fazer algo até pior com outras pessoas”, disparou um dos internautas.

Padre Marcelo Rossi foi empurrado por mulher durante missa (Foto: Reprodução)
Padre Marcelo Rossi foi empurrado por mulher durante missa (Foto: Reprodução)

Outro seguidor do padre também deu a sua orientação: “Padre, continue na oração, mas faça sim um boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia. É necessário”. De acordo com o programa “A Tarde é Sua”, da RedeTV!, a mulher tinha algum tipo de problema mental e não fez com a intenção unicamente de machucar o religioso.

Tem parte do público que está afirmando que o que aconteceu com o Padre Marcelo Rossi foi apenas uma vingança divina por causa das atitudes que ele teve no passado com a drag queen Vera Verão. Para quem não sabe, a transformista foi retirada do palco do programa “Domingo Legal”, do SBT, supostamente a pedido do veterano, há quase 20 anos atrás.

 

Nas redes sociais, algumas pessoas relembraram o fato e acusaram o padre de ter sido discriminatório com a famosa, que faleceu vítima de um infarto e de problemas nos rins, causados pela pressão alta. A própria artista já havia dado algumas entrevistas falando sobre dois episódios em que precisou parar o seu trabalho para que o religioso tivesse ganhasse atenção de veículos.