Fiuk humilha garçom publicamente e Justiça toma as providências; ator é condenado

 Ator em A Força do Querer (Foto: Reprodução)

O ator Fiuk finalmente acaba de ser condenado pelo crime de dano moral a um garçom do Hotel Sheraton do Leblon, Zona Sul do Rio. Ele terá que pagar nada menos que R$ 30 mil de indenização, segundo informações do processo.

Fiuk havia ido até a recepção do local em que o garçom estava trabalhando e feito a acusação, dizendo que o aparelho havia sumido depois do serviço de quarto para a retirada da louça suja. Imediatamente, o rapaz entrou com uma ação judicial.

Ator foi criticado do início ao fim de “A Força do Querer”. (Foto: Reprodução/Globo)

A polícia foi até o local e não encontrou provas que evidenciassem o crime, já que não havia nada com ele. Fiuk, por sua vez, não se desculpou e seguiu com as humilhações, acreditando piamente que ele havia roubado o objeto eletrônico.

O garçom então foi até a 8ª Vara Cível do Rio e abriu o processo. Não se sabe ainda se Fiuk vai recorrer.