Faustão faz bailarinas passarem por disputas absurdas para participar do Domingão e bailarina dispara: “Tive que terminar meu namoro”

Nova bailarina do Faustão, Liza Nunes diz ter terminado namoro e largado emprego para dançar no palco do "Domingão" Foto: Reprodução
Nova bailarina do Faustão, Liza Nunes diz ter terminado namoro e largado emprego para dançar no palco do “Domingão” Foto: Reprodução

O sonho de ser bailarina do Faustão se tornou realidade para Liza Nunes, que no último domingo estreou ao vivo em pleno “Show dos Famosos” do “Domingão” na Rede Globo. Mas ao contrário do que pensava a ex-BBB Tatiele Polyana, aquela que irritou o apresentador ao dizer que, se tudo desse errado, poderia entrar para o balé da atração, o caminho não foi fácil.

Funcionária de uma empresa de seguros e dançarina profissional em Vitória, no Espírito Santo, ela se mudou para São Paulo para perseguir seu objetivo e enfrentou uma seleção com 3 mil candidatas para o programa do Faustão e muitas etapas antes de se tornar uma das novas 20 selecionadas para o elenco.

“Cada vez que eu passava nas etapas eu me sentia mais próxima. É como se por muito tempo eu tivesse escondido um tesouro e, com o tempo, me lembrei: ‘Ainda quero conquistar isso. Tenho o mapa e vou atrás do tesouro que eu escondi’”, compara. A seguir, a bailarina relata os perrengues que passou para dançar no palco do “Domingão do Faustão”.

Esta não foi a primeira tentativa da capixaba de entrar para o rol das beldades do programa dominical de Faustão. Em 2015, ela conta ter feito alguns “sacrifícios” para enfrentar a seleção. “Fugi do trabalho para participar do processo seletivo e terminei o namoro”, conta ela, que diz ter escondido dos familiares por anos a vontade de ser dançarina. “Minha família é um pouco tradicional, então comecei a trabalhar com seguros. Por 19 anos fiquei tentando esconder o meu talento”. Mesmo aprovada, na hora de mudar de cidade, a jovem acabou desistindo. “Passei nas três fases, mas morava em Vitória. Fiquei com receio de vir para São Paulo e deixei esse sonho guardado”.

Liza então ficou em sua terra natal, mas não desistiu. Depois de conseguir uma transferência de emprego para São Paulo, ela voltou a sonhar com o palco do programa. Foi nas redes sociais dos coreógrafos do dominical que ela descobriu que novas bailarinas seriam selecionadas. O processo seletivo com 3 mil candidatas para o balé do Faustão durou dois meses, sendo necessário que ela enviasse vídeos e fotos, além da audição presencial e diferentes etapas eliminatórias. Com experiência em diferentes estilos de dança, como salão, jazz e contemporânea, ela afirma que foi outro detalhe que conquistou os selecionadores. “São muitas meninas bonitas e talentosas.

O que me falaram é que eu tinha algo diferente, um brilho no olhar”, contou a bailarina do Faustão da Globo. “O coreógrafo me disse: ‘Quando você dança, eu tenho vontade de dançar com você. Não sei o que você tem, mas eu te quero aqui’. Fiquei muito feliz”, lembra ela, que para concorrer mandou vídeos dançando hits de Anitta e Beyoncé.

Nova bailarina do Faustão, Liza Nunes diz ter terminado namoro e largado emprego para dançar no palco do "Domingão" Foto: Reprodução
Nova bailarina do Faustão, Liza Nunes diz ter terminado namoro e largado emprego para dançar no palco do “Domingão” Foto: Reprodução